DeRozan lidera a votação para o All-Star entre bases da Conferência Este

Os fãs da NBA estão com atenção. Por isso parece que DeMar DeRozan será titular no All-Star Game.

O jogador dos Bulls está em primeiro entre os bases da Conferência Este na primeira divulgação da votação dos fãs, e com uma laga margem à frente de James Harden dos Brooklyn Nets. Harden tem quase 900 mil votos, DeRozan está perto de 1.5 milhões de votos.

Se a margem se mantiver, DeRozan será titular no All-Star Game pela segunda vez na carreira. Em 2018 foi titular depois de ter ido suplente três vezes.

A votação vai continuar até 22 de Janeiro, e o All-Star Game será a 20 de Fevereiro em Cleveland e celebrará o 75º aniversário da NBA. O 50º aniversário também viu o All-Star Game em Cleveland em 1997. Os titulares serão anunciados a 27 de Janeiro, com os suplentes a serem revelados na semana seguinte. A votação dos fãs conta para 50% da votação total, e a votação dos jogadores e imprensa conta 25% cada um.

Os três jogadores na posição de extremo/poste que lideram na Conferência Este são Kevin Durant, dos Brooklyn Nets, Giannis Antetokounmpo, dos Milwaukee Bucks, e Joel Embiid, dos Philadelphia 76ers.

Na Conferência Oeste, lideram LeBron James, dos Los Angeles Lakers, Nikola Jokic, dos Denver Nuggets, e Paul George, dos Los Angeles Clippers. Os bases são liderados por Stephen Curry, dos Golden State Warriors, e Luka Doncic, dos Dallas Mavericks. Os líderes da votação no Este e Oeste serão os capitães de equipa e irão escolher os seus companheiros num draft. Kevin Durant lidera no Este e Stephen Curry lidera no Oeste.

O formato do All-Star game foi mudado em 2018, o ano em que DeRozan foi titular na sua quarta aparição no evento, e também a última.

DeRozan, 32 anos, está a ter uma das suas melhores temporadas da carreira, e recentemente fez história na NBA com dois cestos que garantiram duas vitórias em dias consecutivos, em Indiana e Washington.

Essas duas vitórias ajudaram os Bulls a chegar ao primeiro lugar da Conferência Este com um recorde de 25-10. DeRozan venceu o prémio de jogador da semana duas vezes no último mês,

DeRozan tem médias de 26.9 pontos por jogo e lidera a NBA em pontos no quarto período e eficiência de pontuação. É a segunda melhor marca de pontos por jogo na sua carreira que vai no 13º ano. Também tem 5 ressaltos e 4.5 assistências, com 49.4% nos lançamentos de campo e um máximo de carreira de 36.2% em triplos.

O jogador dos Bulls tinha desaparecido das conversas sobre as estrelas da liga por causa do actual foco do jogo ser o lançamento de três pontos. A especialidade de DeRozan é o lançamento de meia distância, e foi por isso que a sua contratação pelos Bulls foi alvo de críticas, tendo até sido considerado o pior movimento de mercado por alguns analistas nos Estados Unidos.

Zach LaVine, mesmo com a adição de DeRozan ao plantel, continua a demonstrar ser um All-Star e deve repetir a presença no evento. O base dos Bulls tornou-se medalhista olímpico o ano passado no Japão.

As estatísticas de Zach LaVine são idênticas às de DeRozan.

LaVine tem médias de 26.3 pontos, 5.1 ressaltos e 4.2 assistências, enquanto mantém 49.7% nos lançamentos de campo e 42% nos triplos. Tornou-se um dos pontuadores de elite da liga, com médias de mais de 25 pontos por jogo nos últimos quatro anos enquanto se mantém um lançador confiável com quase 40% nos triplos durante o mesmo período.

Nikola Vucevic é o 10º na votação para extremo/poste na Conferência Este.

Outros jogadores notáveis que passaram pelos Bulls e aparecem na votação incluem Jimmy Butler, agora nos Miami Heat e Derrick Rose, dos New York Knicks. Curioso ainda o facto de Kyrie Irving, que só se estreou na temporada na passada terça-feira, estar em sexto lugar entre os bases da Conferência Este.

Faça um comentário...

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.