Bulls – Spurs, 120-109; E vão mais 40 de DeRozan em quarta vitória seguida

120-109

Jogo no United Center, em Chicago (IL)
1 2 3 4 T
Chicago Bulls 29 30 24 34 120
San Antonio Spurs 27 30 32 20 109

Depois de se ver a perder por seis contra os San Antonio Spurs no início do quarto período, os Bulls precisavam de uma grande faísca ofensiva. Então, como fez inúmeras vezes nesta temporada, e novamente com Zach LaVine fora da equipa, DeMar DeRozan colocou a capa de Super-homem e levou a sua equipa à vitória. DeRozan marcou 19 pontos no último período a caminho de outro desempenho de 40 pontos. Ele ajudou a acordar os Bulls da sua queda quando superaram os Spurs por 17 pontos no último período para vencer por 120-109 na quarta vitória consecutiva.

DeRozan foi impressionante em todos os aspetos, distribuindo sete assistências e 16 de 24 nos lançamentos. Teve um pouco de dificuldades com o seu lançamento nos três primeiros períodos e até sofreu uma falta técnica no terceiro. Mas mais uma vez quando o quarto período começou, transformou-se num coletor automático de cestos. DeRozan chegou ao seu lugar e converteu lançamento após lançamento, não importando quantos adversários estavam em cima de si.

Nikola Vucevic conseguiu outro duplo-duplo de 25 pontos e 16 ressaltos, continuando a recente sequência de grande produção ofensiva. Teve problemas no perímetro, acertando apenas um de sete, mas foi eficiente quando se tratava de lançar no garrafão e debaixo do cesto. Vucevic continua a impressionar após os problemas no início da temporada. Ele parece um jogador completamente diferente em termos de confiança e com Zach LaVine de fora, os Bulls precisam desta versão de Vucevic.

Coby White fez 11 pontos no primeiro período e terminou com 24, com seis assistências e cinco ressaltos. Teve problemas com as faltas, mas fez algumas jogadas importantes mais tarde, incluindo um triplo com 48.7 segundos no relógio. Ayo Dosunmu também teve problemas com faltas e até foi excluído após a sexta falta no final do quarto período, mas ainda terminou com 12 pontos, quatro assistências e três ressaltos, além de uma defesa sólida sobre Dejounte Murray.

Como fizeram contra Minnesota e Oklahoma, a defesa dos Bulls intensificou-se em momentos-chave. A equipa de Chicago permitiu apenas 20 pontos no quarto período, superando os seus adversários por 17. Eles forçaram os Spurs a quatro perdas de bola depois de apenas três nos primeiros 36 minutos. Os Bulls voaram para a bola e também fizeram o possível ganhar a tabela na defesa, além de alterar os lançamentos perto do cesto. Como todos sabemos, continuam sem contar com Lonzo Ball e Alex Caruso, então é bom ver os Bulls com outro desempenho defensivo sólido.

Javonte Green foi o único titular a não chegar à dezena de pontos com apenas sete, mas causou impacto de outras maneiras. Conseguiu nove ressaltos, incluindo quatro deles no lado ofensivo. Os Bulls continuam a beneficiar de sua constante movimentação e energia, o que muitas vezes leva a pontos de segunda posse ou afundanços fáceis.

Embora tenham conseguido apenas 12 pontos do banco, os Bulls ainda conseguiram bons minutos de dois de seus principais jogadores. Troy Brown Jr. conseguiu oito pontos, mas também contribuiu com seis ressaltos, enquanto Derrick Jones Jr., que continua a recuperar de uma lesão no dedo, conseguiu sete ressaltos e quatro pontos, incluindo um cesto chave no quarto período, onde também sofreu uma falta. Tony Bradley e Matt Thomas jogaram com moderação, combinando por apenas 10 minutos no total, já que os Bulls, cheios de lesões, estão a manter uma rotação de jogo muito apertada.

Como equipa, os Bulls converteram 52.3% do campo e 41.7% do perímetro. Continuam quase automáticos na linha de lance livre, acertando 18 da suas 21 tentativas. Os Bulls venceram completamente nas tabelas por uma margem de 53-33.

Nem tudo foi perfeito no ataque, pois cometeram 16 perdas de bola, que San Antonio transformou em 20 pontos. Os Spurs jogaram bem nos três primeiros períodos, mas facilitaram na reta final, como tem acontecido durante toda a temporada (embora tenham estado bem contra os Bulls no mês passado). Os Spurs tinham cinco jogadores acima da dezena de pontos liderados pelos 21 de Lonnie Walker IV. Murray teve 19 pontos e 11 assistências, enquanto o ex-Bull Doug McDermott teve 19 depois de começar o jogo de mão quente.

Com todas as lesões e jogos sendo disputados, a pausa do All-Star é esperada com ansiedade em Chicago.. Mas a equipa está a conquistar vitórias importantes por trás do heroísmo de DeRozan e Vucevic dando a volta por cima na sua temporada.

Há mais um jogo antes da pausa para o All-Star, com os Bulls a receberem os Sacramento Kings na noite de quarta-feira.


Estatísticas dos Chicago Bulls (37-21)
Titulares MP PTS REB AST STL BLK TOV FG 3P FT
Ayo Dosunmu 37 12 3 4 1 1 0 5-9 1-4 1-2
Nikola Vucevic 36 25 16 5 0 1 5 12-24 1-7 0-0
DeMar DeRozan 35 40 3 7 0 0 3 16-24 0-0 8-8
Javonte Green 35 7 9 1 1 0 1 2-6 1-2 2-2
Coby White 34 24 5 6 0 0 1 6-11 5-6 7-8
Suplentes MP PTS REB AST STL BLK TOV FG 3P FT
Troy Brown Jr. 31 8 6 1 1 0 1 3-5 2-3 0-0
Derrick Jones Jr. 22 4 7 1 0 0 2 2-7 0-1 0-1
Matt Thomas 6 0 0 0 0 0 0 0-1 0-1 0-0
Tony Bradley 4 0 4 0 0 1 2 0-1 0-0 0-0
Alfonzo McKinnie
Tyler Cook
Malcolm Hill
Totais da Equipa 240 120 53 25 3 3 15 46-88 10-24 18-21
Estatísticas de NBA.com
Legenda: MP – Minutos Jogados; PTS – Pontos; REB – Ressaltos; AST – Assistências; STL – Roubos de Bola; BLK – Desarmes de Lançamento; TOV – Perdas de Bola; FG – Lançamentos de Campo; 3P – Triplos; FT – Lances Livres.
Estatísticas dos San Antonio Spurs (22-36)
Titulares MP PTS REB AST STL BLK TOV FG 3P FT
Dejounte Murray 36 19 6 11 2 0 2 7-1 0-1 5-7
Keldon Johnson 31 13 3 2 1 0 1 4-12 0-2 5-5
Jakob Poeltl 30 13 9 4 0 0 2 6-9 0-0 1-2
Doug McDermott 29 19 4 1 0 0 1 7-11 3-5 2-2
Devin Vassell 24 5 0 1 1 1 1 2-10 0-4 1-1
Suplentes MP PTS REB AST STL BLK TOV FG 3P FT
Lonnie Wlker IV 26 21 5 2 1 0 0 9-17 2-4 1-4
Joshua Primo 21 2 1 0 1 0 0 1-2 0-1 0-0
Zach Collins 18 9 2 2 1 1 0 4-6 1-3 0-0
Keita Bates-Diop 13 8 3 1 1 0 0 4-7 0-0 0-0
Tre Jones 12 0 0 4 1 0 0 0-2 0-0 0-0
Joe Wieskamp
Jock Landale
Tomas Satoransky
Josh Richardson
Romeo Langford
Totais da Equipa 240 109 33 28 9 2 7 44-92 6-20 15-21
Estatísticas de NBA.com
Legenda: MP – Minutos Jogados; PTS – Pontos; REB – Ressaltos; AST – Assistências; STL – Roubos de Bola; BLK – Desarmes de Lançamento; TOV – Perdas de Bola; FG – Lançamentos de Campo; 3P – Triplos; FT – Lances Livres.

Faça um comentário...

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.